pasmalu

blog dedicado à actualidade guineense e da sub-região

Kin ki ka djuguta i nabiaão

A vitória esperada de José Mário Vaz veio dar alento à população que sempre recusou o golpe e os desmandos dos golpistas ditos transitórios. Por isso as gentes de Bissau foram até ao Palácio Presidencial gritar “Rua” a Serifo Nhamadjo.

Nabian é que está com mau perder. Ameaça impugnar os resultados. Para já, convocou uma conferência de Imprensa para amanhã às 11h00.

Quem perdeu, em toda a linha, foi António Indjai. Parece que as “estrelas” lhe caíram todas das divisas e anda nervoso por se ouvir com cada vez mais insistência que os americanos o vão buscar, para o levarem a fazer companhia a Bubo Na Tchuto, que tem andado muito triste na prisão.

Quem se ri, e festeja, é José Eduardo do Santos em Luanda e Carlos Gomes Júnior em Cabo Verde. Não os quiseram lá e agora entram pela porta do Palácio da Presidência. O presidente senegalês chora, como o seu nome indica, amargas lágrimas salgadas.

Festa grande em Bissau com a confirmação oficial da vitória de Jomav

Segunda volta das Presidenciais

 

finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-001finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-002finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-003finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-004finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-005finaldeclaraopreliminar_2Volta_verso4-page-006

(sujeito a confirmação)

Jomav – 340349 votos

N. Nabian – 214966 votos

As insónias de Macky Sall

Coitado do presidente senegalês! Teve uma noite de insónia e as próximas podem continuar a sê-lo. A notícia foi divulgada há pouco. É que a confirmar-se a vitória de Jomav na segunda volta das presidenciais guineenses o espectro de Angola, mais uma vez aí está. A CEDEAO patrocinou os golpistas. Correram com Cadogo e Angola. Agora tanto Carlos Gomes Junior como a influência de Angola podem voltar a entrar no país pela porta da Presidência.
Sobre a insónia, clique no link em baixo, em francês:
http://www.leral.net/Guinee-Bissau-Pourquoi-Jose-Mario-Vaz-empeche-Macky-de-dormir_a113825.html

Jomav arrasa em Bissau

Na Guiné-Bissau, de acordo com dados que vão sendo conhecidos e divulgados pela imprensa estrangeira (senegalesa), Jomav segue à frente nas preferências dos eleitores, tendo mesmo triplicado o seu resultado face ao seu opositor, Nuno Nabian, em certas zonas da capital.
A consolidar-se esta tendência, a derrota dos golpistas e transitórios, e sobretudo do seu líder, António Indjai, será evidente, bem como da CEDEAO que os sustentou. A questão crucial é: saberão perder? Entregar o real poder a um Presidente e Governo legítimos? Os próximos dias serão esclarecedores. No passado, a resposta foi outra.

Leia artigo

Présidentielle Guinée Bissau : Jomav largement en tête (www.leral.net)
Rédigé le Lundi 19 Mai 2014 à 03:33

Selon les premiers résultats sortis des urnes Jose Mario Va alias Java arrive très largement en tête dans la quasi-totalité des bureaux de vote de Bissau. Dans certains bureaux de vote le candidat du PAIGC triple même le score de son rival le candidat Indépendant Nunu Gomes Nabiam battu dans son propre bureau de vote par un score de 252 contre 84 voix. Nous y reviendrons largement.
Bissau
Comme pour le 1er tour, la campagne électorale s’est déroulée dans une ambiance de fête. Comme pour le 1er tour, la Commission nationale électorale se dit confiante. Et comme pour le 1er tour, c’est le moment de la proclamation des résultats et les mois qui vont suivre l’élection que chacun redoute. Du côté des Nations unies on se déclare optimiste. « Nous avons rencontré Antonio Indjai, le chef d’état-major, nous avons reçu l’assurance des militaires qu’ils vont accepter les résultats », a affirmé le prix Nobel de la paix José Ramos Horta. Et le représentant spécial de l’ONU à Bissau d’ajouter : « Je suis sûr qu’il n’y aura pas de problème. Le climat est propice pour qu’on puisse inaugurer un nouveau chapitre dans l’histoire de la Guinée-Bissau. »

Fort de ses 41 % du 1er tour, José Mario Vaz, n’est qu’à quelques encablures de la victoire finale, d’autant qu’il dispose d’une plus grande réserve de voix que son adversaire. Ancien maire de Bissau, ancien ministre des Finances de 2009 à 2012, on le surnommait « Monsieur 25 du mois » parce qu’il payait les fonctionnaires le 25 de chaque mois alors qu’ils cumulent aujourd’hui plusieurs mois d’arriérés.

Mais pour contrecarrer cette réputation de bon gestionnaire, ses adversaires rappellent que sa candidature a été contestée par le procureur général à cause d’une enquête sur un détournement d’une partie d’un don angolais de 12 millions de dollars. L’acte d’accusation circule sur internet depuis quelques jours.

Face à lui, Nuno Nabiam, un ingénieur de l’aviation civile. Pour inverser la tendance, il mise notamment sur les divisions au sein du PAIGC, où certains responsables déclarent, micro fermé, qu’ils ne voteront pas pour le candidat de leur parti. Candidat indépendant, inconnu sur la scène politique, Nuno Nabiam a bénéficié du soutien de l’ancien président Kumba Yala, décédé le 4 avril. Ses détracteurs lui reprochent de n’être que « le pion du général Antonio Indjai », le chef d’état-major de l’armée qui a dirigé le putsch, en avril 2012.

Fonte: http://www.leral.net/Presidentielle-Guinee-Bissau-Jomav-largement-en-tete-www-Leral-net_a113804.html

Oó no kudji Injai, ó nó kudji Injai… Péra nó fika na Injai pom…

Os espancamentos em Bafatá e Bissau são claros e inequívocos… na véspera da segunda volta, com o objectivo de intimidar a população a não votar na real mudança no nosso país. Mas estes actos intimidatórios, com a intenção de diminuir a participação popular em zonas adversas ao candidato da situação, Nuno Nabian, são por demais evidentes. Tanto mais que nunca, de forma lisa ganharia estas eleições. O PAIGC, em comunicado, denuncia estas manobras.

PARTIDO AFRICANO DA INDEPENDÊNCIA DA GUINÉ E CABO-VERDE
COMUNICADO

A segunda volta das eleições presidenciais marcadas para esta data, 18 de Maio é a festa da liberdade conquistada pelo povo guineense após anos de luta e sacrifício É a celebração da democracia e o dia e a ocasião em que o poder volta ao povo e o povo em liberdade e consciência escolhe o seu mais legítimo representante.

A Comunidade Internacional, os nossos parceiros de desenvolvimento e a sociedade civil guineense se mobilizaram massivamente para reforçar a credibilidade e dar maior visibilidade a este importante acto.

Infelizmente há registos que indicam que muita gente ainda não se ajustou as regras do exercício democrático Nas últimas horas em muitos pontos do território registaram-se ameaças, perseguições e agressões a vários destacados dirigentes do PAIGC, inclusivé pondo em causa a integridade física e a segurança do III Vice Presidente do Partido e Director Nacional da Campanha do PAIGC Baciro Djá e do Director Adjunto Botche Candé. Em Bafatá traduziu-se mesmo no espancamento dos seguintes camaradas: Matilde Indequi, Fofana Queda, Zé Rui, Dancana Binante, Deputado Infamará, Mamadú Boi DjaIó, Negue Bangurá, Alficene Candé e Paulo Alvarenga.

Há rumores de uma intenção deliberada em limitar a circulação das pessoas através de uma espécie de recolher obrigatório não decretado e assim facilitar intenções obscuras a favor do forjar dos resultados e alteração das escolhas feitas pelo povo guineense.

Em face destes elementos o PAIGC condena com a maior veemência estes e todos os actos cobardes e atentatórios dos direitos e liberdades que assistem aos cidadãos e que são simples expressão de desespero.

Expressar a sua solidariedade com todos os camaradas vítimas desses actos e exortar a todos para uma mobilização e aderência do nosso povo às urnas numa afirmação definitiva da nossa liberdade e independência através do voto.

Alertar as autoridades envolvidas no processo, nomeadamente a CNE, as CREs e a Comissão Conjunta de Asseguramento Eleitoral, assim como a comunidade internacional, os parceiros internacionais e a sociedade civil guineense a acompanharem a situação, denunciar os actos mencionados e assegurar a segurança junto das assembleias de voto para garantir a transparência necessária ao processo eleitoral.

Felicitar a todo o povo guineense por esta prova de maturidade que dá ao mundo valorizando as suas conquistas e mantendo firmes a sua auto determinação e Independência.

Viva a liberdade , viva Guiné-Bissau

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 81 outros seguidores