Bubo Na Tchuto i sinta i na sucuta…

by pasmalu

Bubo assiste à distância e sem se envolver às aventuras de Indjai, prometendo vingar-se das várias traições e acusações que lhe foram feitas pelo CEMGFA.

Para já assumiu-se como o protetor dos felupes das Forças Armadas, contra as perseguições de que estes estão a ser alvos por parte da dupla Kumba-Indjai. Pretende assim ganhar um aliado de peso no combate a Indjai.

Em relação às tropas balantas, está sempre a chamar a atenção para o papel que Indjai e Papa Camará estão a desempenhar como chefes do tráfico de droga, não sobrando trocos para mais ninguém. Sendo isso do conhecimento de todos os militares, é um dos aspetos em que Indjai é mais posto em causa dentro da instituição militar.

O próprio cerco ao bairro de Antula (maioritariamente balanta) visava também recuperar armas de populares apoiantes de Bubo e que Indjai mais teme numa sublevação que ele tem a certeza que Bubo está a preparar contra ele e que tudo indica ocorrerá antes do final do ano.

Bubo está sempre a afirmar que Indjai, com a conivência da CEDEAO, o mandaram há tempos para Dakar para “tratamento” médico, mas que ele descobriu que era para o matarem no hospital. Por isso é que regressou rapidamente ao país.

Agora, está à espera que os sucessivos erros de Indjai criem as condições para ele se chegar à frente…

Anúncios